Bombozila lança campanha de documentário sobre o SUS

A plataforma de streaming de documentários independentes Bombozila, lançou no dia 13 de janeiro uma campanha de financiamento colaborativo para arrecadar fundos para a realização de um documentário sobre o desmonte do Sistema Único de Saúde – SUS.

O documentário que está sendo dirigido pela profissional de saúde pública e mestra pela Escola Politécnica de Saúde da FioCruz, Ellen Francisco, pretende ser uma contribuição crítica para o debate urgente no país.

O que temos visto sistematicamente é a precarização e desativação de serviços básicos de saúde, que afetam 80% da população que depende do SUS. Como consequência disso doenças como sarampo e rubéola por exemplo, antes erradicadas, voltam a afetar a população.

Veja o vídeo da campanha:

Ellen Francisco, diretora do documentário, disse à nossa reportagem:

“É URGENTE O DEBATE SOBRE O SUS E A SAUDE PÚBLICA NO BRASIL. EM TEMPOS DE CRISE POLITICA E ECONÔMICA COMO AS QUE ESTAMOS VIVENDO AGORA, A POPULAÇÃO PASSA A ADOECER MAIS DEVIDO A VIOLENCIA, A REPRESSAO E FALTA DE ACESSO AOS DIREITOS SOCIAIS BASICOS. O QUE TEMOS OBSERVADO É UMA POLÍTICA GENOCIDA POR PARTE DE UM ESTADO QUE AO INVES DE AMPLIAR O SERVIÇO.PUBLICO PARA ACOLHER ESSA DEMANDA CONGELA SEUS INVESTIMENTOS E REDUZ SUA CAPACIDADE DE ATENDER A ESSAS PESSOAS. TUDO ISSO PARA FAVORECER O LOBBY DOS PLANOS PRIVADOS DE SAÚDE SUCATEANDO AINDA MAIS O SUS”

AJUDE A REALIZAÇÃO DESSE DOCUMENTÁRIO clicando aqui.

A diretora menciona o avanço do lobby empresarial dos planos privados, que querem historicamente ocupar essa fatia de mercado com seus ditos planos populares. Que são assistências de cobertura super restrita e superficial, que ao final acabam fazendo com que o usuário tenha que pagar mais pelos procedimentos ou mesmo recorrer ao sistema público de saúde para realizar exames e cirurgias.

A pesquisadora em economia da saúde da UFRJ Fátima Siliasnki falou em sua entrevista para a nossa rádio, sobre o repasse de recursos para financiamento de campanhas políticas, como mecanismo de manter os candidatos eleitos comprometidos com a precarização e portanto com o avanço dos planos privados.

Veja um trecho da entrevista com a professora Fátima.

O documentário Na Fila do SUS vai abordar o tema de maneira ampla no Brasil, dando destaque para o desmonte da SESAI na Amazônia, que é o braço do SUS que cuida da atenção de saúde indígena, à precarização da atenção básica no Rio de Janeiro através do sucateamento das Clínicas da Família, e por fim sobre o impacto do desmonte na população em situação de rua no centro de São Paulo desassistindo essa população com o atendimento de prevenção de álcool e drogas.

Dessa forma, os produtores do documentário propõe debater o tema amplamente e engajar a população a defender o SUS, diante da sua importância para o desenvolvimento social do país.

Você pode realizar doações de diversos valores clicando aqui.
Veja mais sobre o desmonte da saúde pública em outras materias da Rádio Mutirão

Comentários

Comentários

Deja un comentario

Tu dirección de correo electrónico no será publicada. Los campos necesarios están marcados *

es_MXES
pt_BRPT_BR es_MXES