[Rio] Fuzis encontrados em posse do assassino de Marielle podem ser de uso exclusivo dos Mariners – EUA

Partes de 117 fuzis foram encontrados em uma casa no Méier, zona norte do Rio, e que pertencem ao assassino de Marielle Franco, podem ser de uso exclusivo das forças armadas americanas. E a imprensa hegemônica negligenciou e omitiu essa possibilidade

 
Por: David G. Borges.
 
O G1 publicou uma reportagem sobre 117 fuzis de assalto M16 desmontados apreendidos na casa de um “amigo” (comparsa?) de um dos suspeitos de ter executado Marielle Franco que foi preso hoje. As peças estavam embaladas em caixas separadas, e só os canos não foram encontrados.
.
Maior apreensão de fuzis já feita no Rio de Janeiro.
.
Só que UMA FOTO da reportagem me chamou a atenção, que é essa que coloquei aí.
.
Não são fuzis M16, fabricados pela Colt (empresa americana). São M27’s, fabricados pela HK (empresa alemã). Na mesma foto há “USMC”, que significa “United States Marine Corps” (Corpo de Fuzileiros Navais dos Estados Unidos).
.
Ocorre que o HK M27 é de uso EXCLUSIVO dos USMC. Em outros lugares do mundo essa mesma arma recebe o nome de HK 416. O M27 é uma variante do 416 (mudam apenas alguns acessórios e poucas especificações, mas é essencialmente o mesmo armamento).
.
Em dezembro de 2017 o governo dos EUA decidiu “aposentar” as metralhadoras M249 e substituir todas por fuzis M27 (embora muitas M249 permaneçam em serviço).
.
O M27 não consta sequer no site do fabricante, pois ele só é vendido para as forças armadas dos EUA (provavelmente devido a algum acordo de registro do nome/uso de direitos).
.
Ficam algumas perguntas:
.
– O repórter errou ao escrever a matéria?
– A polícia errou ao passar a informação para o repórter?
– A polícia identificou erroneamente a arma?
– Como armas das forças armadas dos EUA entraram no Brasil e foram parar nas mãos de um miliciano?
– São versões falsificadas dos M27?
– Se não vieram dos EUA, por que têm “HK M27” escrito no corpo, e não “HK 416”, que é a terminologia usada em todo o restante do mundo para a mesma arma?
– Por que os canos das armas não foram encontrados?
.
Reportagem do G1, da qual extraí a foto: https://g1.globo.com/…/policia-encontra-117-fuzis-m-16-na-c…
.
Artigo sobre o M27 e seu uso pelos USMC: https://en.wikipedia.org/wiki/M27_Infantry_Automatic_Rifle
.
Site do fabricante (HK): https://www.heckler-koch.com/en.html
.
EDIT: Dentro dos EUA e em diversos outros países do mundo (incluindo o Brasil) inúmeras forças policiais e militares usam o HK 416. Mas SOMENTE no USMC ele recebe a denominação de “M27”.
.
O “172” no começo da numeração PODE significar (estou especulando) “1st Division, 7th Marines, 2nd Battalion”. Que é precisamente o pessoal que TESTOU os M27 na época de sua adoção.
.
https://www.1stmardiv.marines.mil/…/7TH-MARI…/2nd-Battalion/
.
https://en.wikipedia.org/wiki/2nd_Battalion,_7th_Marines
.
Claro que a numeração também pode não significar isso. Estou especulando.
.
EDIT2: Há alguns minutos a página do G1 apagou especificamente esta foto que eu salvei e usei aqui na postagem.

Comentários

Comentários

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

pt_BRPT_BR
es_MXES pt_BRPT_BR